Make your own free website on Tripod.com

Reprodução Medicamente Assistida


Como Surgiu?

Conceito de RMA

Evidências

Causas de Infertilidade:

Técnicas de RMA:

Procedimentos:

Diagnóstico e Técnicas Acessórias:

Clínicas de RMA em Portugal

Problemas Relacionados com RMA

Entrevista ao Padre

Viagem a Lisboa (Clínica CEMEARE)

Legislação em Portugal

Imagens

 

 

                               

Evidências sobre RMA


    
Engravidar pode inquirir um tempo, mesmo que nas melhores circunstâncias. Uma mulher jovem e fértil tem cerca de 25% de chance de conceber durante um determinado ciclo ovulatório. Por isso, não é de surpreender que possam passar vários meses sem que o casal consiga atingir o seu objectivo.


     Todavia, a grande maioria dos casais consegue ter um filho no primeiro ano de tentativa.

     Dados epidemiológicos revelam que 85% dos casais concebem no seu primeiro ano de vida sexual activa sem contracepção. Aproximadamente outros 5% concebem algum tempo depois de um ano. É por isso que os médicos não consideram infertilidade conjugal antes de pelo menos um ano de actividade sexual sem protecção, e dificilmente iniciam a pesquisa diagnóstica antes deste período de tempo.


     O apogeu da fertilidade ocorre entre os 20-25 anos para homens e mulheres. A partir dos 30 anos começam surgir dificuldades para conceber. Acrescenta-se a isso, o facto de que a taxa de aborto espontâneo aumenta de forma significativa, quando a mulher chega à casa dos quarenta anos.

   É então que a famosa pressão começa a ser notada e vivida intensamente. Porém, além da idade, há outros motivos para não se esperar pelo período tradicional de um ano para investigar uma possível infertilidade conjugal.

 



 Este site foi feito no âmbito de um trabalho de Área de Projecto realizado pelos alunos do 12ºE da Escola Secundária da Sé - Guarda
Última actualização: 18/05/07.